O Museu da Companhia Paulista: um estudo sobre visitação num museu industrial

Projetos de Pesquisa MF 

Autora: Graziela Alves da Silva (CV Lattes)

Orientador: Prof. Dr. Eduardo Romero de Oliveira (CV Lattes)

Vigência: 01 de março de 2014 – 28 de fevereiro de 2015

Agência financiadora: FAPESP (processo nº 13/27105-7)

Este projeto propõe um estudo sobre a visitação num museu industrial: o Museu Companhia Paulista, localizado no Complexo de Oficinas da Companhia Paulista, em Jundiaí – e tombado pelo IPHAN e CONDEPHAAT. Nosso propósito é pesquisá-lo tanto no que se refere ao patrimônio cultural visto seu valor histórico e tecnológico, quanto na avaliação de seu uso como equipamento cultural e atrativo turístico. Em termos de objetivos específicos, esperamos também conhecer o funcionamento do Museu; verificar a promoção do turismo cultural pela prefeitura; analisar o perfil dos visitantes e a sua percepção sobre o Museu, principalmente daqueles que vem através do “Expresso Turístico Luz – Jundiaí”; estudar o processo de tombamento das Oficinas da Companhia Paulista pelo IPHAN; e por último avaliar a estrutura física do Museu e de seus serviços de recepção. Para isso verificaremos os documentos de proteção e intervenção relativos ao Museu e ao patrimônio cultural, levantaremos informações sobre a estrutura atual do Museu, buscaremos informações documentais do bem protegido através do processo de tombamento, e avaliaremos os aspectos físicos do local através de uma pesquisa observativa. No mais contaremos com entrevistas com funcionários e responsáveis, questionários com visitantes locais e turistas, pesquisas bibliográficas e leituras complementares, buscando desta forma fazer um aprofundamento acerca de tudo o que foi discutido. Em resumo, nosso estudo sobre o Museu como atrativo turístico busca examinar as formas institucionais de preservação e uso do bem protegido selecionado para estudo, e em particular verificar a sua condição como atrativo turístico. Desta maneira, nós esperamos que a pesquisa desperte o interesse pela preservação do patrimônio, e que ela seja também uma forma de pensarmos em estratégias de uso conscientes destes espaços.

Fale com a autora

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s